América Latina, crises e lutas políticas

No filme Memórias do Subdesenvolvimento (1968), dirigido por Tomás Gutiérrez, temos uma obra que discute a situação de Cuba logo após a Revolução Socialista. Essa discussão acontece através do olhar do personagem Sergio, um cubano pequeno-burguês que decide permanecer e acompanhar as transformações após a queda do governo de Fulgêncio Batista. O personagem busca compreender as mudanças pelas quais passou o seu país, ao mesmo tempo que vivencia o processo de “revolução de massas”. Essa situação gera um conflito psicológico no personagem, pois ele representa a classe média intelectualizada que vive em um país subdesenvolvido. Além disso, o contexto do filme também nos mostra características do processo político e social, elementos fundamentais para pensar as crises e lutas políticas que perpassam os países da América Latina.


#Pracegover: Diversas pessoas caminhando pela calçada no espaço urbanizado, com lojas, carros e uma avenida. Fonte: https://issocompensa.com/cinema/tomas-gutierrez-alea


Nos últimos anos, acompanhamos uma onda de manifestações e crises políticas na América Latina. Desde 2019, foram registradas inúmeras insatisfações populares que foram as ruas no Chile, Bolívia, Equador, Venezuela, Paraguai, Peru e Argentina. Essas crises balançaram os governos desses países ou, pelo menos, os deixaram bastante abalados.


Com a pandemia e o agravamento dela, também tivemos turbulências no campo econômico. Foi na madrugada do dia 07 de julho de 2021 que o presidente haitiano Jovenel Moïse foi assassinado a tiros em sua casa em Porto Príncipe. Uma notícia que trouxe grandes preocupações para os países vizinhos. Além disso, no dia 11 de Julho de 2021, os cubanos saíram às ruas com uma lista de reivindicações populares, no que já é considerada uma das maiores ondas de protestos do país.


Mesmo com a taxa alta de mortes causadas pela Covid-19, países como Brasil, Colômbia, Argentina, Chile e Peru não têm deixado de levar as suas insatisfações populares para as ruas. Essas manifestações revelam, principalmente, as péssimas condições que a classe trabalhadora da América Latina está enfrentando nos últimos tempos. Isso não é uma novidade para nós: podemos observar essa linha histórica de exploração econômica na obra As veias abertas da América Latina, do autor Eduardo Galeano: o livro faz uma análise histórica da América Latina sob o ponto de vista da exploração econômica e da dominação política, desde a colonização europeia até a contemporaneidade da época em que foi lançado. Na introdução da obra o autor chama a atenção para o seguinte fato:


A divisão internacional do trabalho significa que alguns países se especializam em ganhar e outros em perder. Nossa comarca no mundo, que hoje chamamos América Latina, foi precária: especializou-se em perder desde os remotos tempos em que os europeus do Renascimento se aventuraram pelos mares e lhe cravaram os dentes na garganta. (2010, p.17)

#Pracegover: Manifestante atira coquetel molotov contra forças de segurança no Equador. Fonte: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2019/10/23/america-do-sul-em-turbulencia-veja-em-resumo-os-protestos-e-crises-politicas-na-regiao.ghtml


Eduardo Galeano nos deixa uma reflexão muito importante quando pensamos o contexto histórico da América Latina, esse processo de ganhos e perdas ainda é muito expressivo quando pensamos nas ondas de protestos que revelam as crises econômicas e as lutas populares.


Amanda Escobar Costa


Graduanda em História e bolsista do Projeto CineGRI.


#cinegri #memóriasdosubdesenvolvimento #crisespolíticas #americalatina #manifestações


Referências Bibliográficas:


GALEANO, Eduardo. As veias abertas da América Latina. Tradução de Sergio Faraco. Porto Alegre, RS: L&PM, 2010.


MELLO, Michele. América Latina: pandemia não impediu protestos em todo o continente em 2020. Acesso em: 28/08/2021: https://www.brasildefato.com.br/2020/12/30/america-latina-pandemia-nao-impediu-protestos-em-todo-continente-em-2020


OLIVEIRA, Washington. Memórias do subdesenvolvimento. Acesso em? 28/08/2021: http://www.coisadecinema.com.br/coisadecinema/criticas/Entradas/2011/12/25_Memorias_do_Subdesenvolvimento.html


VICENT, Mauricio. O ‘fator Estados Unidos’ irrompe na crise cubana após os protestos contra o Governo. Acesso em: 28/08/2021: https://brasil.elpais.com/internacional/2021-07-24/o-fator-estados-unidos-irrompe-na-crise-cubana-apos-os-protestos-contra-o-governo.html


BBC NEWS BRASIL. Protestos em Cuba: por que parte dos cubanos continua a apoiar governo. Acesso em: 28/08/2021: https://www.bbc.com/portuguese/internacional-57832440


GARCÍA, Jacobo. Presidente do Haiti, Jovenel Moïse, é assassinado a tiros em sua casa em Porto Príncipe. Acesso em: 28/08/2021: https://brasil.elpais.com/internacional/2021-07-07/presidente-de-haiti-jovenel-moise-e-assassinado-a-tiros-em-sua-casa.html


GIRO LATINO. Cuba: morte, fake news e corte à internet após protestos. Acesso em: 28/08/2021: https://girolatino.substack.com/p/cuba-morte-fake-news-e-corte-a-internet


32 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo