Snowpiercer e a Terra do Amanhã

A Primeira Revolução Industrial representa não apenas um marco na história do avanço da humanidade, mas também marca o início de um uso intenso de combustíveis fósseis e o começo da intensa poluição atmosférica, que só passou a ser discutida a nível mundial em 1972, na Conferência de Estocolmo, onde, pela primeira vez, líderes mundiais se reuniram para discutir os impactos que o nosso modo de produção estaria causando ao planeta.

Em Expresso do Amanhã (2013), do mesmo diretor do premiado filme Parasita (2019), Bong Joon-ho, retrata o que restou da humanidade após uma tentativa falha de barrar o aquecimento global. Os sobreviventes vivem a bordo do Snowpiercer, um trem, que devido ao congelamento do planeta Terra, precisa funcionar a todo momento. Criada pelo bilionário Wilford, a locomotiva eterna abriga ricos e suas famílias que compraram suas passagens para continuar a viver, enquanto pessoas pobres trabalham para eles em troca de abrigo.



#PraCegoVer: a atriz Tilda Swinton, no canto direito da imagem representa uma mulher usando óculos de armação transparente, segurando um microfone que aponta para frente, vestindo roupas roxas e um casaco de pele jogado em seu braço direito. Ao fundo, várias pessoas sentadas, vestidas com roupas de frio e aparentam estar sujas.

Fonte da imagem: https://www.adorocinema.com/personalidades/personalidade-7542/fotos/detalhe/?cmediafile=21036103> Acesso em: 21 de Novembro de 2021.


A não adesão dos Estados Unidos aos protocolos mundiais contra às mudanças climáticas já é histórica, desde Kyoto ao Acordo de Paris, os norte-americanos, apesar de serem um dos países que mais poluem a atmosfera e gerarem lixo no mundo, insistem em não aderir a esses protocolos. A máquina capitalista estadunidense se recusa a repensar e frear sua forma de produção e o desenvolvimento a todo custo. No início do ano de 2021, o recém empossado presidente Joe Biden, prometeu se comprometer com a redução na emissão de gases, assim retornando ao Acordo de Paris, o qual seu antecessor, Donald Trump, havia formalmente se retirado diante da ONU, sobre a premissa de que a redução da poluição teria um impacto na taxa de emprego do país deixando muitos estadunidenses desempregados.

Em Snowpiercer, o cenário não é muito diferente, mesmo após destruir o planeta, os mais ricos têm a chance de continuar vivendo, enquanto o resto da tripulação, que se alimenta de seus restos, deve servir e ser grata por não ter morrido na nova Era Glacial, iniciada após a tentativa falha de barrar o aquecimento global com o composto CW7. O filme que virou uma série com o mesmo nome, retrata como a burguesia, apesar de ter sido avisada sobre as consequências, saiu ilesa e vive de forma luxuosa à bordo da locomotiva.





#PraCegoVer: boneco de Donald Trump, vestido com uma camisa com as cores da bandeira Norte Americana, levanta um taco de golfe em direção a uma estátua da Torre Eiffel com um globo terrestre no topo, representando o Acordo de Paris.

Fonte da imagem:https://g1.globo.com/mundo/noticia/2021/02/19/eua-voltam-oficialmente-ao-acordo-de-paris-sobre-o-clima.ghtml Acesso em: 21 de Novembro de 2021.


O rompimento com o Acordo, firmado pelo então Presidente Barack Obama em 2015 na COP 21, ocasionou uma instabilidade no compromisso mundial no combate às mudanças climáticas. Esse ano, 2021, a COP 26 (Conferência do Clima da Organização das Nações Unidas), realizada em Glasgow, na Escócia, dividiu opiniões ao tentar definir um fundo de “perdas e danos” que deveria ser pago pelos países mais ricos para ajudar os mais pobres e vulneráveis aos impactos da crise ambiental, como Tuvalu, país ameaçado pelo aumento do nível do mar, o que acabou gerando um atraso na conferência pela resistência de países desenvolvidos em aceitar a proposta.

Enquanto não percebermos que não é necessário chegar ao ponto do Expresso do Amanhã para que os líderes mundiais comecem a realmente tomar iniciativas que sejam de fato efetivas, deixando de lado o avanço capitalista e pensando no que realmente importa, a reprodução e sustentabilidade da vida na Terra, para não precisarmos, como no filme, de um milionário tirano, tal qual o Senhor Wilford, para continuar a viver.


Gabriela Bucalo, bolsista do Projeto CineGRI e graduanda em geografia pela FFLCH-USP.


#Snowpiercer #MudançasClimáticas #AcordodeParis #BongJoon-ho #ExpressodoAmanhã


Referências:


PARKER, Laura. Estados Unidos geram mais lixo plástico que qualquer outro país, aponta estudo. Disponível em: <https://www.nationalgeographicbrasil.com/meio-ambiente/2020/11/estados-unidos-geram-mais-lixo-plastico-que-qualquer-outro-pais-aponta-estudo> Acesso em: 20 de Novembro de 2021.


Por Reuters. EUA voltam oficialmente ao Acordo de Paris sobre o clima. Disponível em:

<https://g1.globo.com/mundo/noticia/2021/02/19/eua-voltam-oficialmente-ao-acordo-de-paris-sobre-o-clima.ghtml>Acesso em: 20 de Novembro de 2021.


DEWAN, Angela; CASSIDY, Amy; FORMANEK, Ingrid; KOTTASOVÁ,Ivana.

COP26 aprova acordo para a redução dos combustíveis fósseis no planeta

Disponível em: <https://www.cnnbrasil.com.br/internacional/cop26-acordo-revisado-e-aprovado-na-cupula-do-clima-em-glasgow/> Acesso em: 19 de Novembro de 2021.


PASSARINHO, Nathalia. COP26: Os principais fracassos e vitórias do acordo final da cúpula sobre mudança climática

Disponível em: <https://www.bbc.com/portuguese/internacional-59274397> Acesso em: 20 de Novembro de 2021.


39 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo